MODERNIDADE E DIMENSÕES NÃO CONVENCIONAIS DO PENSAMENTO ESTRATÉGICO

Autores

  • Jorge Calvario dos Santos

DOI:

https://doi.org/10.47240/revistadaesg.v27i55.223

Palavras-chave:

Cultura. Modernidade. Pensamento Estratégico.Cultura. Modernidade. Pensamento Estratégico.

Resumo

A proposta do estudo é de uma análise do tema para que seja possível, nesse momento histórico, submetidos por uma cultura muito poderosa, encontrar um caminho para a evolução e para a sobrevivência como nação. As conquistas da ciência possibilitaram a construção de uma civilização materialista e utilitarista, em que o ser humano perde suas características essenciais e vive uma ordem pragmática fechada que enfatiza o individualismo e o militarismo no plano social. As culturas poderosas, por essa razão, são beneficiadas com o controle e o domínio dos recursos de que necessitam. Tal como ao longo da história, vivemos um conflito de ordem cultural. Apenas preservando a cultura, privilegiando um pensamento estratégico não convencional é possível a uma nação superar a fase atual, se preservar e construir uma civilização que tenha o ser humano como objetivo maior.

Downloads

Publicado

25-08-2017

Edição

Seção

Artigos